Publicado em 19 de setembro de 2018 às 18:14

Integrantes da Secretaria Municipal de Turismo (SMT) se reuniram com representantes do setor hoteleiro de Araçatuba, na manhã desta quarta-feira (19), para discutir a respeito da nova composição do Comtur (Conselho Municipal de Turismo) e promover diálogo a respeito das potencialidades do turismo em Araçatuba, como a realização de grandes eventos, a rede hoteleira e gastronômica ofertada e as possibilidades de dinamizar o setor através de maior integração dos componentes que atuam na área.

“A grande estratégia para consolidar tantas ideias brilhantes e oportunas é formar um conselho atuante e vigoroso e uma boa parceria entre poder público e investidores”, afirmou a secretária municipal de Turismo, Tieza Lemos Marques.

Para os próximos dias, a Secretaria Municipal de Turismo fará a elaboração do Calendário de Eventos de 2019, documento que, segundo a secretária, é de extrema importância e serve como parâmetro para a rede hoteleira, bares e restaurantes.

Após a reunião, a equipe técnica e a secretária da SMT fizeram uma visita ao Hotel Nacional Inn (antigo Chamonix Hotel) para dar as boas-vindas aos proprietários, que pretendem inaugurar o empreendimento no início de outubro. Essa rede, uma das maiores do Brasil, está se instalando em Araçatuba por vários fatores, entre eles, pelo potencial turístico que a cidade oferece.

PENÁPOLIS

Na última segunda-feira (17), a SMT também foi pauta da sessão ordinária da Câmara Municipal de Penápolis. Representantes dos municípios de Araçatuba, Birigui, Penápolis e Piacatu (Buritama, que também estava envolvida, não pode comparecer), que preparam ações inéditas para o incremento do turismo regional, debateram o assunto com os vereadores e conquistaram o apoio de todos eles.

Segundo Tieza, a exploração do turismo proporciona uma importante força econômica. “Nossa região tem elementos para revitalizar a política econômica, cultural, social e ambiental dos municípios envolvidos”.

A secretária explicou ainda que esses municípios são muito próximos, favorecendo o deslocamento entre eles, o que potencializa o intercâmbio de atividades turísticas ligadas à cultura, à área rural, ao turismo de negócios e a exploração da pesca esportiva e turismo náutico, entre outras.