Publicado em 27 de abril de 2020 às 08:43

A Prefeitura de Araçatuba investe mais de R$ 133 mil em postes e infraestrutura elétrica de um trecho da rua Clibas de Almeida Prado que não dispunha de iluminação até agora.

Foi iniciada, nesta sexta-feira (24), a instalação que contempla trecho de aproximadamente 800 metros da via, marginal à Rodovia Eliezer Montenegro Magalhães, que se estende da Avenida Jorge Mellem Rezek (continuação da Marcílio Dias) até a passarela que interliga os bairros Verde Parque/Porto Real ao bairro Rosele.

O prefeito de Araçatuba, Dilador Borges, cita a obra como mais uma das reivindicações antigas da população araçatubense, tanto dos moradores do local como dos usuários da via de ligação. “Lá havia muitas reclamações, era um local extremamente perigoso à noite e já aconteceram crimes nos arredores por várias vezes. A população pediu muito por isso. A nova iluminação atende também á lateral do cemitério municipal Recanto da Paz, do Rosele”, explica.

Segundo o engenheiro elétrico da Secretaria Municipal de Planejamento Urbano e Habitação de Araçatuba, Fabrício Cartarozzi, Estão sendo instalados 26 conjuntos de iluminação em postes da CPFL Energia, com lâmpadas de vapor de sódio de 250 W, que são as de maior potência autorizada pela companhia, já presentes em outros trechos da rua Clibas de Almeida Prado.

O Contrato SMA/DLC nº 009/2020 descreve o valor do investimento de R$ 55.655,25 de recursos próprios da Prefeitura, ao qual a empresa contratada é a G.I. Engenharia e Construção Ltda. Também está incluso nesse contrato a instalação de iluminação na própria passarela.

Além do valor do contrato, também foram pagos R$ 77.686,51 à CPFL para instalação dos postes e da rede elétrica, destaca o engenheiro. “A ordem de serviço foi dada em 02 de março e aguardávamos a instalação dos postes e da rede pela CPFL Energia. Agora a contratada começou a instalação da iluminação”, detalha.

“A obra ainda não está finalizada. Hoje foram instalados 11 conjuntos de iluminação. A previsão é que na próxima semana finalizem o serviço”, adianta Cartarozzi.