Publicado em 14 de março de 2018 às 10:38

Um levantamento realizado pela Secretaria Municipal de Educação (SME) de Araçatuba mostra alta procura pelo ensino infantil e fundamental do município. Há registro de alunos vindos até mesmo de outros países.

No ensino infantil, foram registradas 112 matrículas, sendo 46 alunos vindos do ensino particular, 49 de outras cidades do estado de São Paulo, 13 de outros estados e 4 de outros países como Angola, Cuba, Portugal e Bolívia. O ensino infantil atende crianças de 0 a 5 anos, nas seguintes fases de ensino: berçário, maternal, etapas I e II.

Já o ensino fundamental recebeu 316 crianças, sendo 75 de escolas particulares; 163 vindas de outras cidades do estado de São Paulo e 79 provenientes de outros estados. Os registros são referentes às matrículas realizadas em 2018. O ensino fundamental abrange crianças com idades de 7 a 11 anos, que frequentam do 1º ao 5º ano. No total, são 428 alunos nessas condições.

A secretária Municipal de Educação, Silvana de Sousa e Souza, avalia a procura das vagas de forma positiva. “A matrícula de crianças vindas de outras cidades, estados e países nos leva a deduzir que Araçatuba tem se despontado como uma cidade de oportunidades”.

O senhor Liander Milan Fernandes, pai da aluna Flávia Aloma Padrón, foi um dos imigrantes que procurou a Secretaria Municipal de Educação para matricular sua filha. Residente no Brasil desde 2014, ele afirma que escolheu a região de Araçatuba recentemente para morar pela boa referência em desenvolvimento. A estudante frequenta a Emeb Professora Enoy Chaves da Costa Leone, no bairro Panorama, desde fevereiro.