Publicado em 27 de setembro de 2018 às 16:45

Na manhã desta quinta-feira (27), o prefeito Dilador Borges recebeu uma comissão formada por representantes do Real Madruga Araçatuba e do curso de Arquitetura e Urbanismo da UniToledo, que apresentaram o projeto arquitetônico da arena multiuso a ser construído pela equipe esportiva no bairro Concórdia.

O projeto, elaborado pelo escritório modelo de Arquitetura da universidade, compreende a construção de um espaço multiuso, com ginásio poliesportivo com 3 mil assentos e também palco capaz de receber eventos variados, de shows a palestras, de espetáculos de teatro a apresentações de dança.

No total, o terreno tem 24 mil metros quadrados e também abrigará um minicampo de futebol e piscina com cinco raias, que poderá atender várias competições. Além disso, o complexo terá centro de treinamento, academia, alojamento para atletas, centro de fisioterapia, refeitório e estrutura de bar, restaurante e café para atender o público.

“Serão aproximadamente 15 mil metros quadrados de área construída”, explicou Ana Paula Cabral Sader, coordenadora do curso de Arquitetura e Urbanismo, representante da UniToledo na reunião.

O projeto prevê uma arena com capacidade para receber 3.200 pessoas, com a área de camarotes abrigando outras 500. Em apresentações culturais, o uso da quadra comportará outras 2.200 pessoas em pé, ou 1.450 pessoas em cadeiras, perfazendo uma capacidade aproximada de 5 mil pessoas.

Já as arquibancadas do minicapo comportarão cerca de 800 torcedores, enquanto a piscina terá arquibancada para 225 pessoas.

A princípio, o projeto previa cerca de 136 vagas de estacionamento, além de 5 vagas para ônibus e 14 vagas privativas. No entanto, houve consenso quanto à necessidade de se ampliar o número de espaços para veículos de usuários.

“Precisamos levar em consideração que a tendência é haver uma grande valorização daquela região, especialmente a partir da construção desse complexo, cujo projeto é maravilhoso. Por isso mesmo, precisamos pensar em ampliar o espaço de estacionamento, para não estrangularmos os arredores dessa arena”, ponderou o prefeito Dilador Borges.

O secretário municipal de Planejamento e da Mobilidade Urbana, Ernesto Tadeu Capela Consoni, disse que a tendência mundial e também de Araçatuba é valorizar o transporte urbano, “mas não podemos negar que isso é a longo prazo. Até lá, precisamos pensar em não comprometer a mobilidade do entorno”.

Segundo Ana Paula Sader, “o projeto está sendo apresentado justamente para que se analise o conjunto da obra e que a Prefeitura aponte as suas necessidades e possíveis restrições”. “Vamos analisar os argumentos e ampliar a área do estacionamento. É perfeitamente possível fazer isso, sem comprometer o projeto”, disse ela.

Também participaram da reunião o líder do governo na Câmara, vereador Jaime José da Silva; o secretário de Governo, Manoel Afonso; o secretário de Esportes, Sérgio Tumelero, e o chefe de Gabinete e secretário de Comunicação, Deocleciano Borela e o radialista Marco Antônio Ferreira (Serelepe).

A Arena Multiuso Real Madruga será erguida em área da Prefeitura, no Concórdia, mediante cessão que deve ser apreciada em breve pela Câmara de Vereadores.