Publicado em 18 de outubro de 2022 às 15:48

Aconteceu no último domingo (16), a primeira edição da Copa Elite de Jiu-Jítsu, em Araçatuba. O evento, que tem apoio da Prefeitura de Araçatuba por meio da SMELR (Secretaria Municipal Esporte, Lazer e Recreação) e do Circuito Interior de Jiu-Jítsu, ocorreu no ginásio da Emeb Euza Neuza Marcondes Larios, reunindo 359 atletas de várias cidades do estado de São Paulo. Desses, 138 atletas araçatubenses foram medalhistas.

A primeira edição da Copa Elite presta condolências em memória de Jair Sturaro, atleta araçatubense de Jiu-Jitsu, faixa preta, que faleceu após um acidente doméstico.

O objetivo do evento é tornar o esporte mais acessível a todos. A copa reuniu várias equipes, que disputaram de acordo com subdivisões por idade. A organização do evento doou 35 inscrições para o projeto social Jiu-Jítsu Para Todos, do bairro Porto Real. Frank Barros Kofeck Junior, atleta do projeto, se destacou na competição juvenil. Ele foi campeão pela equipe e ganhou um kimono pela vitória.

Egnaldo Cardoso Justino, organizador do evento, conta que a primeira edição foi excelente, já que passaram pelo evento cerca de 900 pessoas. “Nós queremos que a Copa Elite seja realizada duas vezes ao ano, uma edição em cada semestre, tornando o Jiu- Jítsu uma marca em Araçatuba”.

A entrada foi franca e quem quisesse poderia contribuir com 1kg de alimento não perecível. As doações foram destinadas ao asilo São Vicente.

A disputa premiou ao todo R$ 11 mil para os vencedores conforme o cinturão conquistado durante a competição.

PREMIAÇÕES EM DINHEIRO E CINTURÃO (TODOS DE ARAÇATUBA)

Everton Leme Lin – faixa preta – campeão pela equipe Saikoo – R$1.100.

Weslley Dellalatta Justino – faixa marrom – vencedor pela equipe Checkmat Gabas – R$900.

Lucas Silva Ferreira – faixa branca – vencedor pela equipe B9 Z Team R$600.