Publicado em 14 de maio de 2018 às 10:47

Na manhã de sexta-feira (11), o prefeito Dilador Borges presidiu mais um encontro da Comitê da Bacia Hidrográfica do Baixo Tietê (CBH-BT) em Araçatuba, no qual foram discutidos projetos para investimento do Fehidro e foi protocolada a terceira fase de implantação de galerias pluviais no bairro residencial Água Branca.

A assembléia extraordinária, realizada na sede da Aean (Associação dos Engenheiros e Arquitetos da Alta Noroeste) de Araçatuba reuniu prefeitos, representantes de entidades civis, dirigentes de órgãos do Governo do Estado de São Paulo, membros do CBH-BT, que deliberaram dobre o financiamento de empreendimentos do Orçamento Fehidro (Fundo Estadual de Recursos Hídricos) para 2018 e sobre os valores arrecadados em cobrança de serviços de água de 2017, a serem usados nos projetos deste ano. Também foram deliberados Relatório de Bacia II e outros temas de interesse imediato do Comitê.

Das propostas apresentadas pelos municípios, foi protocolada por Araçatuba, junto ao Fehidro, a terceira etapa da implantação de galerias de águas pluviais no bairro Água Branca, que portanto entra em fase de análise para aprovação. A obra está prevista ao custo de R$705.861,72, dos quais R$ 599.982,46 são recursos do Governo Estadual, por meio do Fehidro, e R$ 105.861,72 municipais.

Segundo a Secretaria Municipal de Planejamento Urbano e Habitação (SMPUH), as fases I e II de implantação de galerias pluviais no Água Branca são de 2017 e já foram aprovadas, estando em fase final de licitação, com previsão de início para junho deste ano.

Ainda segundo a SMPUH, as obras de galerias para águas pluviais são custeadas com verba do Fehidro, enquanto que a fase posterior, de pavimentação asfáltica, é de custeio com recursos próprios da Prefeitura. As obras de pavimentação só são licitadas após a conclusão da instalação de galerias.