Publicado em 23 de novembro de 2017 às 14:48

O prefeito de Araçatuba, Dilador Borges, reuniu-se, na quarta-feira (22), com os comandos das polícias Civil e Militar de Araçatuba e da Guarda Municipal, em seu gabinete, com o intuito de discutir medidas mais efetivas contra atos de vandalismo crescentes ao patrimônio público da cidade.

Solicitada pelo chefe de Gabinete Deocleciano Borella Jr., a reunião atende a necessidades observadas pela Secretaria Municipal de Cultura, responsável pelos preparativos das comemorações de fim de ano e de aniversário da cidade, a ocorrerem em dezembro, bem como considerando os festejos vindouros, como os de virada de Ano e Carnaval. Também são consideradas as ocorrências mais frequentes em períodos de festas e de férias escolares, que envolvem consumo maior de bebidas, drogas e a preocupação com a segurança de crianças e adolescentes.

O prefeito levantou a urgência de se aumentar o cuidado aos próprios públicos que vem sofrendo constantes atos de destruição. “A prefeitura tem se dedicado a reparar danos e revitalizar espaços públicos para o lazer e convívio da população, mas vem constatando que as novas instalações também já precisam ser repostas, por estarem sofrendo ataques de vandalismo por parte de malfeitores, tanto maiores como menores de idade. Também é de alguns jovens a atitude ameaçadora e desrespeitosa crescente quando encontram-se em grupos, circulando com bicicletas dentro das praças e consumindo entorpecentes, o que agrava ainda mais suas práticas que colocam em risco as pessoas que frequentam esses espaços coletivos”, justifica Dilador Borges.

“O que decidimos em acordo com as polícias Civil e Militar foi aumentar a presença de efetivo e viaturas em pontos de maior concentração, principalmente onde há reunião de jovens e frequentes práticas desses delitos de vandalismo e perturbação da ordem. A Guarda Municipal participará do revezamento com os agentes estaduais de segurança, bem como a Secretaria Municipal de Segurança empregará seus planejamentos de maior efeito nessas situações.”, detalha o prefeito.

O próximo passo definido pela prefeitura é um nova reunião em que participem também representações do Ministério Público, da Promotoria da Infância e juventude e do Conselho Tutelar. “Estamos atentos e presentes e contamos com a ajuda de toda a população, pois tratamos do patrimônio público, que nós todos pagamos para manter e que temos dever de zelar por ele”, finaliza o prefeito.