Publicado em 07 de agosto de 2019 às 18:23

O prefeito de Araçatuba, Dilador Borges, e representantes da Caixa Econômica Federal assinaram, na tarde de terça-feira (7), o contrato de financiamento de R$ 26 milhões para custeio do Programa Melhor Agora, que contempla 13 obras em diferentes pontos da cidade.

Participaram da assinatura o prefeito Dilador Borges e a vice-prefeita Edna Flor; secretários municipais Manoel Afonso Filho (Governo), Tadeu Consoni (Planejamento Urbano e Habitação e de Mobilidade Urbana), Constantino Vourlis (Obras e Serviços Públicos), Marcelo Mazzei (Desenvolvimento Econômico e Relações do Trabalho, Agroindustrial e Turismo) e Arnaldo Morandi (Administração), além do assessor executivo da Fazenda, João Esgalha; vereadores Rivael Papinha, Gilberto Batata Mantovani e Jaime José da Silva, além da equipe de representantes da Caixa Econômica Federal, composta pelo superintendente regional José Orlando Garla, o gerente regional José Alexandre do Rego, gerente geral da agência Araçatuba, Alexander Nogueira, o gerente de filial Área Governo, Ubirajara Gonçalves de Lima Júnior, e o supervisor de filial Luís Fernando Yunes Khalil.

Após a assinatura do contrato, a Caixa deve liberar a primeira parcela de R$ 5,2 milhões. As demais serão liberadas de acordo com a evolução das obras, a serem acompanhadas e medidas por técnicos da Caixa.

O prefeito Dilador Borges reafirmou que três obras prioritárias para licitação e execução são o recapeamento total do Concórdia, pavimentação de trecho da Avenida Dois de Dezembro e pavimentação do Mão Divina, anunciando, “O pacote e a realização da busca de eliminar problemas antigos de Araçatuba, a destravar a cidade, melhorando a mobilidade por meio de novas vias, citando os exemplos das avenidas Juscelino Kubitschek e Joaquim Pompeu de Toledo.

O financiamento da Caixa é de R$ 26 milhões, divididos em cinco parcelas de R$ 5,2 milhões. A primeira parcela será liberada logo na assinatura e as próximas serão liberadas sempre que for apresentada prestação de conta de 80% da parcela anterior. O pagamento será feito em 10 anos, sendo que nos dois primeiros a prefeitura vai pagar apenas os juros e a amortização do principal começará a partir do terceiro ano.

LISTA DE OBRAS PREVISTAS

01 – Dois de Dezembro -da João de Arruda Brasil à Elyeser Montenegro Magalhães – R$ 7,136 milhões
02 – Mão Divina – galerias e pavimentação – R$ 1,4 milhão
03 – Café Filho – Entre Marcos Toquetão e São Francisco – R$ 2,994 milhões
04 – Jardim Moreira -Galerias e pavimentação -R$ 1,770 milhão
05 -Jardim Etharari – Galerias e pavimentação – R$ 905 mil.
06 – Jardim Pinheiro -Galerias e pavimentação -R$ 2,150 milhões
07 – Jardim Esplanada e áreas lindeiras da Lagoa do Lago Azul – galerias, desassoreamento – R$ 4,047 milhões
08 – Final da Porangaba – Galerias e pavimentação até a Elyeser Montenegro Magalhães -R$ 340 mil
09 – Água Branca – Pavimentação – R$ 1.383 milhão
10 – Córrego Alvoradinha – obras de reconstituição e estabilização – R$ 800 mil
11 – Etelvino Pereira dos Santos – Galerias e recapeamento – R$ 1,663 milhão
12 – Recapeamentos diversos (Concórdia e várias outras mas da cidade) – R$ 1 milhão
13 – Pavimentação – Prolongamento da Valdemar Alves e iluminação – R$ 410 mil.