Publicado em 07 de março de 2019 às 18:17

 A Secretaria Municipal de Saúde e a Sucen (Superintendência de Controle de Endemias) realizaram, na manhã de quinta-feira (7), uma reunião com os representantes do Creci (Conselho Regional de Corretores de Imóveis) e de imobiliárias de Araçatuba para elaboração de estratégia ao controle do Aedes aegypti, em imóveis fechados que ficam sob responsabilidade das imobiliárias.

Na reunião, que ocorreu no auditório do Paço Municipal, foi definido um plano de ação com as imobiliárias para execução de um arrastão essas casas, com a finalidade de eliminar qualquer tipo de criadouro do mosquito.

Segundo Tania Suto, agente técnica de saúde da Sucen, No dia 20 de março, quarta-feira, haverá um treinamento para todos os representantes de imobiliárias da cidade, par que na segunda-feira seguinte (25) se inicie a ação de intensificação, que se estenderá por toda a semana, até sexta-feira (30).

Parte do Programa de Intensificação de Controle do Aedes, a estratégia será coordenada pelo Comitê de Mobilização Contra as Arboviroses, com apoio do Centro de Controle de Zoonoses de Araçatuba.