Publicado em 04 de julho de 2018 às 20:03

A testagem é a melhor maneira de prevenir as hepatites virais. Por isso, o Julho Amarelo será marcado por atividades em vários pontos da cidade, visando conscientizar a população sobre a necessidade de fazer os testes gratuitos, que podem indicar a presença da doença.

Agentes do Programa Municipal de IST (Infecções Sexualmente Transmissíveis)/Aids e Hepatites participarão de ações de conscientização, que buscam esclarecer a população sobre a importância da prevenção, do diagnóstico e do tratamento da hepatites virais.

Os técnicos lembram que existe cura para a hepatite C e tratamento para a hepatite B.

Para reforçar as informações e fazer testes gratuitos, os agentes estão engajados no projeto Julho Amarelo, que tem como objetivo identificar pessoas portadoras do vírus da hepatite C e encaminhá-las para tratamento. O público alvo da campanha são as pessoas com mais de 40 anos.

Com apoio das Secretaria Municipal de Assistência Social (através dos CRAS), da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (através do Centro de Ressocialização de Araçatuba) e da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos, o Julho Amarelo tem extensa programação, em vários pontos da cidade, para colher material para os testes gratuitos.

Nas seguintes localidades e datas, serão feitos testes em números limitados de pessoas para amostragem:

5/7 (quinta-feira) – 9h30 – CRAS Jussara – 80 pessoas

6/7 (sexta-feira) – 9h30 – CCI (Centro de Convivência do Idoso) – 50 pessoas

12/7 (quinta-feira) – 7h30 – CRAS São José – 100 pessoas

13/7 (sexta-feira) – 9 horas – CRAS TV – 40 pessoas

16/7 (segunda-feira) – 9 horas – CRAS Centro – 40 pessoas

17/7 (terça-feira) – 9 horas – CRAS Centro – 80 pessoas

18/7 (quarta-feira) – 7h30 – CRAS Etemp – 40 pessoas

19/7 (quinta-feira) – 7h30 – CRAS São José – 100 pessoas

20/7 (sexta-feira) – 7 horas – Secretaria de Obras – 100 pessoas

23/7 (segunda-feira) – 9h30 – CRAS Umuarama – 20 pessoas

24/7 (terça-feira) – 9 horas – CRAS TV – 50 pessoas

25/7 (quarta-feira) – 7 horas – Secretaria de Obras – 50 pessoas

26/7 (quinta-feira) – 7 horas – Secretaria de Obras – 50 pessoas

27/7 (sexta-feira) – 8 horas – Paço Municipal (Palestra e testagem)

31/7 (terça-feira) – 13h30 – CRAS Etemp – 30 pessoas

Quem pode participar?

Podem participar da testagem pessoas submetidas a transfusões de sangue até 1993; quem passou por procedimentos dentários, cirurgias e aplicações de injeções nas décadas de 1970 e 1980; quem tem tatuagem e/ou piercing; usuários de drogas; pessoas infectadas pelo vírus HIV; portadores de nefropatias crônicas (doenças renais crônicas) ou em tratamento de diálise; trabalhadores da área de saúde; pessoas em risco sexual e comunicantes sexuais e domiciliares de portadores de hepatite B e C.

A população também poderá solicitar a testagem diretamente na Unidade Básica de Saúde (UBS) mais próxima de sua residência ou no Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), que fica no Postão (Rua Afonso Pena, 1537), de segunda a quinta-feira, das 7h30 às 11h30 e das 13h às 16h30. Às sextas-feiras, o horário de atendimento é das 7h30 às 11h30.