Publicado em 23 de novembro de 2018 às 09:35

O evento do Dia da Consciência Negra, realizado nesta terça-feira (20), na praça Rui Barbosa, atraiu centenas de pessoas. Todo enfeitado especialmente para a data, o espaço ofereceu diversos espaços para divulgação da rica cultura dos povos que vieram, predominantemente da África, para ajudar a construir o Brasil e que até hoje edificam a identidade nacional. A ação faz parte da série de atividades promovida pela Prefeitura de Araçatuba durante a Semana Municipal de Igualdade Racial.

Idealizada pela Coordenadoria de Promoção da Igualdade Racial e apoiada pela Secretaria Municipal de Assistência Social, a iniciativa teve o objetivo de “celebrar a importância de refletir sobre a posição dos negros na sociedade, de afirmar direitos, identidade e atitude do povo negro”.

A secretária de Assistência Social, Maria Cristina Domingues, recebeu as autoridades municipais, no início da noite, para que eles participassem de um momento de homenagens. Em seu discurso, ela destacou que o poder público tem que exercer sempre este papel de promotor e de moderador dos debates que envolvem a cultura e a história do povo que este representa.

A vice-prefeita Edna Flor falou sobre as figuras importantes na história que surgiram ainda entre os escravos e que até hoje são promotores da cidadania. O presidente da Câmara, Rivael Papinha, lembrou que a própria história de Araçatuba não pode ser contada sem ter mais de um capítulo especial exclusivo à população negra.