Publicado em 09 de setembro de 2022 às 17:53

O Fundo Social de Solidariedade de Araçatuba recebeu, nesta sexta-feira (9), a doação de caixas com pacotes de absorventes íntimos do Japão.

As doações ocorreram através da Campanha contra a Pobreza Menstrual, que começou no Japão com a araçatubense Erika Tamura. Trata-se de uma campanha de arrecadação de absorventes íntimos que teve início no primeiro semestre de 2022. A jovem Melissa Tamura, filha de Erika e que faleceu em 2021, deixou através de uma carta a missão para a mãe, Erika Tamura, fazer a arrecadação de absorventes íntimos e doar para o Fundo Social de Araçatuba.

Participaram da entrega Erika Tamura, a vice-prefeita Edna Flor, a secretária de Assistência Social, Suzeli Denys de Oliveira, o presidente do Fundo Social de Solidariedade, Jorge Cinti, a presidente da OAB Araçatuba, Lucila Koga, o vereador Wesley Monea e funcionários da OAB, da Câmara e da Prefeitura.

A CAMPANHA
Assim, Erika – que mora no Japão – teve apoio da ONG assistencial que trabalha para início da campanha. “Comecei a arrecadação no Japão, tive apoio da ONG que trabalho e usei o espaço do escritório da ONG para armazenar os absorventes. Faço parte do Conselho de Cidadãos de Tóquio, em que o cônsul e a esposa (do Consulado Brasileiro em Tóquio) me ajudaram a divulgar a campanha. Também tive apoio de um grupo chamado S.O.S Mamães no Japão, no Facebook, com 30 mil mulheres. Elas também doaram muitos absorventes. No Brasil tive apoio da empresa Sumirê, que colocou pontos de arrecadação em suas 80 lojas. Parte dos absorventes foram comprados com dinheiro arrecadado em uma ‘vakinha’ virtual”, explica.

Para trazer as caixas para o Brasil, Erika entrou em contato com uma empresa de mudanças. “Conversei com o dono da Suzan, empresa que faz mudanças do Japão para o Brasil, e eles não cobraram pelo envio da carga. Foram três meses de viagem de navio até chegar no Brasil e, depois, Araçatuba”.

A vice-prefeita Edna Flor agradeceu Erika pelas doações. “A solidariedade não tem fronteiras. Quando o assunto é ajudar o próximo, não se depende nem da presença física para que seja feito. Fiquei imaginando um navio trazendo esses absorventes, isso é algo muito grandioso. Nossa palavra é de gratidão e agradecemos a coragem da Erika, que se dispôs, mesmo em um momento de tristeza, dar vida ao sonho de sua filha”.

As doações serão destinadas às pessoas atendidas pelo Fundo Social e pelos programas da Assistência Social de acordo com a necessidade.

LEI
Durante a entrega, o vereador Wesley Monea anunciou que propôs alteração na lei nº 8.433 de 7 de dezembro de 2021, que dispõe sobre medidas para a promoção da dignidade íntima no âmbito do município de Araçatuba. A proposta é de dar o nome “Programa Melissa Kaori” à lei, o que deve passar pelos vereadores para apreciação nas próximas sessões.

CAMPANHA DA OAB
A 28ª Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil também fez uma campanha de arrecadação de absorventes íntimos. Intitulada Campanha da Dignidade Menstrual, foi realizada no período de 1º ao dia 31 de agosto de 2022. As doações serão entregues no próximo dia 22/9 para as entidades Casa Maria, Grupo Misture-se, da Base da Polícia Militar do bairro São José e Associação Jessé Araçatuba.