Publicado em 22 de junho de 2017 às 09:40

O prefeito de Araçatuba, Dilador Borges, e a vice-prefeita Edna Flor participaram, nesta sexta-feira (26), da solenidade de entrega de recursos do Fundafresp (Fundo de Assistência Social) da Afresp, que é da Associação dos Agentes Fiscais de Rendas do Estado de São Paulo.

Foram contempladas as entidades Crie (Centro de Recuperação e Integração do Excepcional de Guararapes), a Camenor (Casa do Menor Leda Furquim Atílio) de Andradina e a Associação Penapolense de Proteção à Infância e Juventude “Anjo da Guarda”, de Penápolis.

A Associação Penapolense recebeu R$ 25,5 mil para trocar o telhado da instituição. Já a Casa do Menor recebeu R$ 24,5 mil para construir seu playground. A ocasião ocorreu na sede regional da Afresp, em Araçatuba, e contou com a presença de diversas autoridades, entre eles o deputado estadual Itamar Borges; o presidente da Afresp, Rodrigo Spada; o coordenador da Afresp, José Roberto Rosa e o diretor regional José Lourenço Gomes.

INTEGRAÇÃO

Dilador Borges afirmou, na oportunidade, que uma das ações mais pontuais de seu governo é a integração com as cidades da região. “Os municípios têm mais forças quando estão juntos. Me sinto à vontade ao dizer da importância dessas ações solidárias, que engrandecem nosso interior. Posso afirmar com clareza a importância da Secretaria Estadual da Fazenda como agente desenvolvedor dentro dos vários setores  no âmbito executivo”.

A vice-prefeita Edna Flor enalteceu a importância de atos solidários, como no caso das doações dos agentes fiscais da Secretaria Estadual da Fazenda. Edna exemplificou, com muita emoção, dizendo que já teve vínculos próximos com a Associação Penapolense de Proteção à Infância Anjo da Guarda, uma das instituições premiadas na ocasião.

A doação desses valores só foi possível porque o Fundafresp recebe doações mensais e voluntárias de associados e não-associados. Essa quantia é depositada em um fundo, que é gerenciado pela Afresp, e destinada a entidades indicadas por associados. Os projetos devem ser de implantação ou aprimoramento do trabalho das entidades, aquisição de veículos, ampliação das instalações ou compra de móveis e equipamentos.