Publicado em 26 de julho de 2018 às 16:52

O Cras (Centro de Referência de Assistência Social) do bairro Etemp realizou esta semana um curso de bolachas decoradas a 30 pessoas assistidas pelo programa.

A atividade é voltada ao público atendido pelo Paif (Proteção e Atendimento Integral à Família), serviço que consiste no trabalho social continuado com as famílias, com a finalidade de fortalecer os vínculos familiares e contribuir na melhora de sua qualidade de vida. O Paif integra o nível de proteção social básica do SUAS (Sistema Único de Assistência Social).

Os participantes puderam acompanhar e aprender o passo a passo da receita, desde a escolha dos ingredientes e suas quantidades, formas de manusear a massa, moldes e decoração das bolachas. Ao final, todos receberam certificado de participação.

De acordo com a coordenadora do Cras Etemp, Luciana Reis, o curso é oferecido através de parceria com o instituto IVVH ( Instituto de Valorização à Vida Humana), órgão que gerencia os serviços da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) de Araçatuba. “Essa atividade vai ao encontro do que buscamos oferecer aqui no Cras. Queremos que as pessoas que participam do curso consigam preparar seus próprios produtos, com a possibilidade de vender para amigos e vizinhos, aumentando assim a renda familiar”.

CRAS ETEMP

Criado no município em 2009, o Cras do bairro Etemp desenvolve ações para a comunidade com a finalidade de prevenir ocorrências de situações de vulnerabilidade e riscos sociais nos territórios, por meio do desenvolvimento de potencialidades através de cursos, do fortalecimento de vínculos familiares e comunitários.

Ele tem, como princípios norteadores, garantir aos usuários as seguintes aquisições: segurança de acolhida, segurança de convívio familiar e comunitário e segurança de desenvolvimento da autonomia. Atualmente, o Cras Etemp atende 380 pessoas nessas condições.