Publicado em 21 de fevereiro de 2018 às 16:13

A segunda turma de alunos do curso da Padaria Artesanal começou as aulas nesta terça-feira (20), no Centro de Qualificação Profissional de Araçatuba. O curso, totalmente gratuito, é uma parceria do Fundo Social de Solidariedade (FSS) e Conselho Deliberativo do FSS de Araçatuba com o Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo (Fussesp).

Em sala de aula, o instrutor Ademir Rodrigues Bonfim transmitiu as primeiras instruções teóricas aos alunos, que recebem uma apostila com as receitas que serão realizadas durante o curso. Na aula prática, os alunos aprenderam a fazer pão de fubá. Para isso, receberam técnicas de como quebrar os ovos, ordem de acrescentar os ingredientes na tigela e até mesmo organização da mesa trabalho.

Para a presidente do Conselho Deliberativo do Fundo Social de Solidariedade, Deomerce Damasceno, a realização do curso pode proporcionar mudanças na história de vida das pessoas. “O curso vem ao encontro da situação atual que o Brasil passa. A falta de emprego é um problema crônico que atinge várias famílias e, com a realização desse curso, buscamos oferecer qualificação profissional para que as pessoas se destaquem no mercado de trabalho”.

Os 120 inscritos foram divididos em turmas de 10 pessoas, com uma carga horária de cinco dias e três horas de aulas por dia. As receitas do curso são: rosca de côco, pão de maçã, pão integral, pão de forma, pão de beterraba, pão de batata com queijo cremoso, pão de ervas, pão caseiro recheado com presunto e queijo, pão de mandioca com azeitona e pão de cenoura com goiabada. Também haverá workshop de pão de mel integral, pão de mel tradicional, sonho assado e bem-casado.

NOVAS VAGAS

Devido à grande procura do curso, a organização elaborou uma lista de espera para os que não puderam se inscrever. Segundo Deomerce, em apenas 14 dias, todas as 120 vagas disponibilizadas pelo Estado foram preenchidas. A iniciativa, então, foi de realizar o curso da Padaria Artesanal com recursos próprios, com as mesmas receitas e apostilas oferecidas pelo Governo do Estado de São Paulo, com a previsão de realização para o segundo semestre deste ano.

As inscrições para a lista de espera podem ser feitas de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16h30, na sede do Fundo Social de Solidariedade, localizado na rua Coelho Neto, número 880. As vagas são limitadas. A idade mínima para participação é de 16 anos, sendo necessária a comprovação de matrícula no ensino regular de educação básica, observada a compatibilidade de horários.