Publicado em 23 de setembro de 2017 às 18:36

O trabalho de conscientização, orientação e divulgação de medidas de prevenção contra a aparição de escorpiões promovido neste sábado (23) pela Prefeitura de Araçatuba transmitiu diretamente à população a conscientização sobre os cuidados quanto à aparição de escorpiões.

A ação foi coordenada pelas secretarias municipais de Saúde e Educação, tendo em vista o surgimento dos casos suspeitos e um confirmado de morte por picada de escorpião no município.

A abertura das ações ocorreu na Emeb Leila Cristina Freitas Machado, no bairro Porto Real I, com a presença do prefeito Dilador Borges e da vice-prefeita Edna Flor. De porta em porta, eles percorreram os arredores da escola com os vereadores Rivael Papinha e Gilberto Batata Mantovani. Durante as andanças, eles transmitiram as orientações à população através de um folheto, que contém medidas de prevenção, os principais sintomas caso uma pessoa seja picada por escorpião, e o contato do Centro de Controle de Zoonoses.

Ao todo, 80 escolas municipais, estaduais e projetos assistenciais de toda a cidade participaram da ação. Servidores de todas as secretarias municipais foram escalados e foram divididos em grupos para iniciar as ações nas escolas às 8h. Eles receberam orientações dos agentes de endemia e agentes comunitários de saúde para poderem transmitir à população das redondezas das escolas todas as medidas de prevenção e orientações em casos de picada de escorpião. No total, 1515 pessoas estiveram envolvidas nas ações, incluindo, além dos servidores, os atiradores do Tiro de Guerra, munícipes em geral e pais de alunos de escolas municipais, que receberam o convite distribuído pelas escolas.

Dilador afirmou que a conscientização deve ser de todos. “O poder público tem o dever de fazer a sua parte, e é para isso que estamos aqui. Mas precisamos ter a consciência de manter nossas casas limpas, sem entulho acumulado ou qualquer outro resíduo que possa atrair o escorpião”.

RESPONSABILIDADE PÚBLICA

Edna Flor também participou das ações na Emeb Maria Helena de Freitas Carli, no bairro Vista Verde. Ela agradeceu ao trabalho realizado por todos os profissionais durante a campanha e também antes dela. “Este é o momento de estarmos todos juntos. Os desafios ficam menores quando o empenho é conjunto. Fazer parte dessa ação é um ato de solidariedade, de presença na vida da comunidade e de responsabilidade pública”.

A secretária de Educação, Silvana de Sousa e Souza, afirmou durante a campanha que a escolha das escolas como ponto de mobilização foi fundamental para que a ação integrasse a comunidade como um todo. “A mobilização não termina hoje. Os pais que vieram foram motivados a fazer a vistoria em suas casas. No decorrer da semana muitas atitudes estão sendo feitas, inclusive nas escolas, mostrando às crianças a imagem do escorpião para que elas saibam identificar que o animal é perigoso, e para que caso elas o encontrem que chamem um adulto”.

Paralelo às ações nas redondezas das escolas, a Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (SMOSP) realizou a remoção de entulhos despejados pela população em uma área verde do município, localizada no final da Avenida dos Fundadores.