Publicado em 27 de julho de 2021 às 17:13

A mesa diretora da Câmara de Araçatuba vai devolver à Prefeitura de Araçatuba, na próxima quinta-feira (29), mais R$ 1,7 milhão, valor referente ao adiantamento do duodécimo. Atendendo indicação do presidente do Legislativo, vereador Dr. Alceu, o dinheiro será investido na construção de um novo ossuário – também chamado de ossário -, estrutura vertical com gavetas lacradas para sepultamento de restos mortais de pessoas que não possuem covas perpétuas, no cemitério Recanto de Paz, no bairro Rosele.

A obra foi anunciada durante reunião, na manhã desta terça-feira (27), entre Dr. Alceu; Dilador; a vice-prefeita Edna Flor; os secretários de Governo, Arnaldo dos Santos Vieira Filho (Dindo), e de Administração, Mauricéia Muto, que apresentou a proposta de projeto; o diretor Carlos Chacon (Administração); e a administradora do cemitério, Walkiria Queiros.

A proposta é transformar o local em um uma área moderna, para que as famílias possam visitar seus entes queridos e fazer orações confortavelmente. Está prevista até uma fonte.

Dr. Alceu ainda solicitou a Dilador o asfaltamento das ruas de terra do cemitério, o que também deverá ser atendido. “Será um local agradável, bonito, para valorizar o Recanto de Paz”, comemorou Dr. Alceu.

Com os R$ 1,7 milhão que serão devolvidos nesta quinta-feira, a Câmara de Araçatuba terá antecipado R$ 3,3 milhões do duodécimo deste ano.

O prefeito Dilador Borges afirmou que o gesto do Legislativo é de promoção e de grande importância para a cidade. “Estou muito feliz com a possibilidade de promover esta melhoria histórica”, afirmou o prefeito.