Publicado em 02 de agosto de 2018 às 09:08

O Governo do Estado de São Paulo realizou audiência pública para elaboração de sua Lei Orçamentária Anual – LOA para 2019, em Araçatuba, na manhã de 1º de agosto, quarta-feira, no plenário da Câmara Municipal.

Introduzida pelo diretor do ERPLAN – Escritório Regional Planejamento Araçatuba, Paulo César Navacchio, a audiência iniciou-se com discursos dos representantes dos poderes Executivo e Legislativo locais, o prefeito Dilador Borges, a vice-prefeita Edna Flor e o presidente da Câmara Municipal, Rivael Papinha.

O assessor técnico da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão, Maurício Hoffmann, exibiu slides de planilhas de dados sobre a economia em escalas mundial, federal, estadual paulista e até municipal de Araçatuba. Sua explanação apontou estado de crescimento em todas as esferas e seu discurso foi de defesa do sucesso das atuais administrações. “O mundo, em seu todo, cresce economicamente, o mundo tornou-se comprador em vez de devedor. O modo de gestão responsável de recursos em direção a maior arrecadação e menores gastos é que faz crescer o superávit primário e esta é nossa realidade atual, mesmo após sustos que tomamos, como a greve de maio deste ano (‘Crise do Diesel”). O crescimento é moderado, mas é crescimento, é positivo”, celebra Hoffmann.

A audiência contou com a presença da maioria dos prefeitos da região de Araçatuba e Andradina, além de presidentes de câmaras e vereadores representantes, secretários municipais e diretores de departamentos dessas localidades.

Além da explanação de dados pelo representante da Secretaria Estadual, houve pesquisa ao público expectador da audiência pública, através de enquete escrita e microfone aberto a perguntas e críticas. Tais solicitações e sugestões foram registradas em documento impresso, de áudio e de vídeo, para posterior referência e a servirem como parâmetros à elaboração da LOA 2019 estadual paulista.